teC 630x380 - O que é um bebê chiador?

O que é um bebê chiador?

Crianças menores de dois anos que apresentam quadro de sibilância contínua (chiado no peito contínuo) há pelo menos um mês ou, no mínimo, 3 episódios de sibilos(chiado) em um período de 2 meses são chamados Lactentes ou Bebês Chiadores.  A asma é uma entre as várias causas de chiado no peito nesta faixa etária.

Apesar das semelhanças entre a crise de chiado de um lactente chiador e de um asmático, os fatores causais são completamente diferentes.

Os Lactentes ou Bebês Chiadores, tem uma tendência importante (mais de 90-95%) de reduzir o chiado após os dois anos de idade, e praticamente desaparecerem as crises entre 4 a 6 anos, pois o desencadeante de suas crises são infecções virais. Após os dois anos e o consequente desenvolvimento do sistema de defesa, as crianças passam a ficar menos doentes (4-5 vezes por ano) e portanto tem uma menor probabilidade de chiar.

O risco de desenvolver chiado no peito no início da vida está aumentado no sexo masculino, nas crianças que freqüentam creches, que são expostas a fumaça de cigarro e poluição, que têm contato com altos níveis de toxinas e de alérgenos no ar ambiente, como ácaro, baratas e pêlos de animais.

Há um segundo grupo de crianças, também de início precoce, mas que persiste com os sintomas após os três anos de idade, nos quais o teste alérgico é positivo, são os Sibilantes Persistentes Alérgicos. Esses pacientes têm alergia e devem ser tratados pelo alergista ou pneumologista infantil.

O terceiro grupo, chamado Sibilantes Tardios, estes apresentam chiado no peito recorrente de início tardio, mas com tendência ao desaparecimento na pré-adolescência. Essas crianças não apresentam história familiar ou pessoal de alergia, por isso são também chamados, Sibilantes não Alérgicos Persistentes. Infecções respiratórias são os principais desencadeantes dos sintomas nesses pacientes.

Algumas vezes, a diferenciação entre um Lactente Chiador e um Asmático é muito difícil para o Médico, e mesmo os exames de alergia não tem um correlação direta, apenas revelam uma tendência para um lado ou outro. Para a criança não faz a menor diferença, pois o tratamento de ambas as afecções é igual.

Quando a criança tem outros sintomas da alergia como dermatite atópica, rinite alérgica, conjuntivite alérgica ou alergia alimentar, existe um potencial para o bebê chiador ser considerado asmático. E nesse caso deverá fazer acompanhamento com o especialista na área da alergia infantil, da pneumolgia infantil, podendo mesmo necessitar de avaliações da oftalmologia ou da dermatologia

Pais e Mães fiquem tranquilos, pois as crises de chiado vão passar e enquanto durarem, elas deverão ser tratadas adequadamente. Se seu filho anda tendo muitas crises de chiado no peito procure um pneumologista pediátrico, ele saberá como te ajudar.

Comentários

Relacionados

Posted in Pneumologia and tagged , , , .